6 perguntas para… Day Mesquita

crédito: Pupin&Deleu.

Day Mesquita vive um de seus melhores momentos. Nascida no Paraná, a atriz é uma das protagonistas da segunda parte do longa nacional “Nada a Perder”. Nele, interpreta Ester Bezerra, cônjuge de Edir Macedo, fundador e presidente da Record Tv.

A jovem, que teve passagem pela Globo, estava no ar até abril como Maria Madalena na novela ”Jesus”, arrancando elogios e fazendo sucesso entre o público.
Confira nossa conversa exclusiva com a artista:

_


1. O filme ”Nada a perder” foi um sucesso de bilheteria. Como foi a recepção do público em relação ao seu trabalho? Gostaria de saber o que mais te impressionou durante a pesquisa para o papel de Ester Bezerra.
Quando recebi o convite para o filme, comecei a pesquisar vídeos e entrevistas para procurar saber mais sobre a personagem, mas o texto foi o condutor principal para preparação do longa. O que mais me impressionou foi a força dessa mulher perante todos os obstáculos. A personagem é introspectiva, mas isso não anula a potência da força que ela tem.
O primeiro longa estreou há mais de um ano e eu continuo recebendo o carinho do público falando sobre o trabalho. Fiquei muito feliz, pois a recepção foi sempre muito positiva, e para mim é mais especial pois se trata da minha primeira experiência no cinema. 

_

2. Sobre a novela ”Jesus”: o que você aprendeu com a personagem Maria Madalena? Ela era um mulher forte e corajosa. Você também se vê assim?
Maria Madalena é uma mulher de muita coragem, determinação, que busca e acredita na igualdade, no amor e no respeito ao próximo. É uma mulher com virtudes que eu admiro muito e já buscava ter na minha vida. Viver essa personagem me trouxe ainda mais certezas dessas buscas em mim.

_

3. Você viajou viajou por alguns países para promover ”Jesus”. Conte um pouco sobre essas viagens. Algum lugar foi mais especial?
Fui para Angola e Portugal divulgar a novela, e os dois países nos receberam com um carinho imenso! Eu sabia da boa repercussão e sucesso da novela lá, mas ter tido esse contato direto com o público foi maravilhoso! Me surpreendi com o caloroso carinho dos angolanos, que é muito parecido com o nosso aqui do Brasil, isso me fez sentir muito à vontade lá, voltei com o coração aquecido por tanto carinho.
Em Portugal também tive momentos incríveis, não só com o público, mas também por conhecer e aproveitar um pouco da viagem, pois aproveitei para ficar uns dias a mais após os compromissos de trabalho. Fui viajar com a minha mãe, que tem ascendência portuguesa, e que sonhava em conhecer Portugal. Foi uma viagem incrível tanto pelo trabalho, quanto pelo turismo, e pude aproveitar para estar mais tempo pertinho dela (minha mãe), já que morando no Rio e ela em São Paulo, e na correria de trabalho, não conseguimos fazer tantos programas como esse.

Resultado de imagem para day mesquita maria madalena

_

4. Suas cenas com Dudu Azevedo em ”Jesus” emocionaram. Como vocês criaram essa parceria em cena?
O Dudu é um grande ator e muito generoso, tanto dentro como fora de cena. O elenco todo desde o início estava muito unido e empenhado, com desejo de realizar um belo trabalho para nós mesmos e para o público. Acredito que isso traz um resultado muito bacana, pois foi um trabalho feito com muito amor e cuidado. Em todas as cenas com o Dudu sempre havia um respeito e uma parceria muito grande. Praticamente todas as cenas eram fortes, complexas, e exigiam muita concentração, então ter um parceiro de cena que respeita, cuida e joga junto é maravilhoso.

_

5. Você viajou ao Marrocos para gravar e recentemente esteve em L.A. estudando. Como essas viagens te enriqueceram? Era um sonho seu estudar fora?
Eu amo viajar! Ao Marrocos fui a trabalho para gravar a novela ”Jesus”. As primeiras cenas que gravei da novela foram lá, então estar em um ambiente diferente do nosso habitual e que é muito próximo da realidade que as personagens viveram, nos aproximou e enriqueceu muito na construção e na vivência da personagem, além de poder conhecer um país e uma cultura tão diferente da nossa.
Los Angeles foi maravilhoso! Eu já havia começado e parado alguns cursos de inglês por algumas vezes, mas sempre tive vontade de passar um tempo fora para ter uma imersão real na língua. Quando a novela acabou não pensei duas vezes e fui para tirar férias estudando e também aproveitando a viagem. Eu amei ter ficado esse tempo lá e foi realmente muito proveitoso como imaginei. Quero muito voltar para passar mais temporadas como essa para ir aprofundando cada vez mais no estudo da língua e da interpretação também.

_

6. Você participou das novelas “Cheias de charme”, ”Além do horizonte” e agora é uma das estrelas da Record. Que dica daria para quem quer seguir essa profissão?
Acredito que como todas as profissões atuar é um ofício, que exige disciplina, dedicação, estudo e amor, pois nem sempre o caminho é fácil. Mas acreditar e persistir (como em tudo na vida) acho que são os ingredientes essenciais para a consistência e evolução do sucesso.